sexta-feira, 8 de março de 2013

No dia Internacional da Mulher



Hoje 08 de março comemoramos o Dia Internacional da Mulher, já postamos aqui no ano passado, um post sobre mulheres à frente de empresas produtoras de Cachaça e desde então já conhecemos mais algumas. 
Vale muito, ler o post e conhecer um pouco mais sobre as habilidades femininas!

A Cachaça é uma palavra feminina e alguns dizem que vira a cabeça de um homem tanto quanto uma mulher! Será que é por isso que algumas cachaças recebem nomes de mulheres ou de alguma forma remetem à mulher?
Seus sinônimos e alcunhas também são na maioria femininos : Caninha, branquinha, purinha, malvada, parati, abrideira, água benta, água que passarinho não bebe, canjibrina, preciosa, etc.

Veja alguns rótulos :
Amélia, AngelinaAnunciada, Araci, Ariana, Augusta, Áurea Custódio, Benedita, Cabloca, Caetana, Chora Rita, Creolinha, DivaDona Beja, Dona Bica, Dona Branca, Dona Flor, Donzela, Elisa, Gabriela, Germana, Glória, Isaura, Isaurinha, Janaina, Januária, Juliana, Julinha, Lourinha, Lorena, Lúcia Veríssimo, 3 Marias, Maria Bacana, Maria Boa, Maria Bonita, Maria da Cruz, Maria Izabel, Mariana, Mercedes, Minha Deusa, Moreninha, Mulher Rendeira, Musa, Nega Fulô, Primeira Dama, Princesa da Januária, Princesinha do Vale, Rainha, Rainha das Gerais, Rainha do Norte de Minas, Rebecca, Rosa, Rosa Mineira, Tia Joaquina...


Atualmente os rótulos das cachaças estão mais refinados e quase não trazem imagens de mulheres e nem nomes com conotação pejorativa às mulheres, como acontecia com as aguardentes de cana, mas saiba que eles existiram.

A Cachaça de qualidade está ganhando cada dia mais apreciadores e apreciadoras, já existem até confrarias femininas de cachaça. Está conquistando também seu lugar na gastronomia, "fazendo a cabeça" de alguns famosos chefs de cozinha.

À todas as mulheres, desejamos um excelente Dia Internacional da Mulher!

Comemorem com moderação e se beberem não dirijam!

Nenhum comentário :

Postar um comentário